Uncategorized

Alison e Álvaro Filho vencem pela segunda vez consecutiva

Com direito a sol forte e bastante calor, a terceira etapa masculina do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia 20/21 terminou com Alison e Álvaro Filho campeões pela segunda vez consecutiva. No início da tarde deste domingo (15.11), a dupla, que representará o Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio, venceu a decisão contra Guto/Arthur Mariano (RJ/MS) por 2 sets a 0 (21/16 e 21/16). A partida aconteceu na arena montada no Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ).

O ouro nesta etapa é o terceiro do time formado por Alison e Álvaro Filho. A vitória rendeu 400 pontos no ranking na temporada e a dupla aumentou a vantagem na liderança com 1040 pontos. A segunda posição está com André/George (ES/PB), que tem 1000. Guto e Arthur Mariano (RJ/MS) somam 960, e estão em terceiro.

O campeão olímpico Alison alcançou a marca de 34 títulos de Open no Circuito Brasileiro. Após jogo decisivo, o bloqueador falou sobre o nível de disputa nas competições nacionais de vôlei de praia, e como o time ainda está em fase de evolução após a parada em razão da pandemia de COVID-19.

“Como venho dizendo, o vôlei de praia masculino brasileiro é muito equilibrado e competitivo, vencer uma etapa é muito difícil. Nós ficamos quatro meses completamente parados e mais ainda sem disputar uma competição. Sentimos a falta de ritmo na primeira etapa, no segundo conseguimos adaptar melhor nosso jogo, jogamos mais. E a nossa preparação toda, feita por nossa equipe técnica, é pensada para que a gente termine o ano bem. Nós jogamos pouco este ano, e este torneio aconteceu com as características do vôlei de praia, de adaptação ao clima, um dia sem vento, outro ventando muito, calor forte, e precisamos nos adaptar”, contou Alison.

Álvaro, que sobe pela décima vez ao lugar mais alto do pódio neste tipo de evento, também mencionou a pausa das competições e o crescimento do desempenho da parceria a cada evento disputado.

“É muito bom conquistar dois torneios seguidos, estou bastante feliz, essa pandemia foi um momento difícil para todo mundo. Nossa comissão técnica está de parabéns por saber administrar bem o que passamos, souberam a hora certa de voltarmos aos treinos, e o ritmo de nosso desenvolvimento. Estávamos com muita ansiedade para voltarmos. A cada torneio a gente melhora e ter esse ambiente de competição é bom neste processo”, comentou Álvaro Filho.

Outra dupla olímpica subiu ao pódio nesta etapa. Evandro e Bruno Schmidt (RJ/DF) levaram o bronze ao vencerem André e George (ES/PB) por 2 sets a 0 (21/18 e 21/12). Foi a segunda medalha do time na temporada. Evandro comemorou a medalha e comentou sobre a evolução do desempenho do time após três torneios disputados.

“Estou feliz por mais um pódio do nosso time. Ficamos seis ou sete meses parados em razão da pandemia, e retornar ao ritmo demora um pouco. Estamos ganhando mais ritmo ao longo dos torneios. Nós sabemos que estamos evoluindo a cada partida, mas podemos ir mais além. A nossa evolução é gradativa, estamos dando um passo de cada vez”, disse Evandro.

Mesmo sem contar com público presente em razão dos protocolos de segurança sanitária, as partidas não ficaram sem torcida. Alguns fãs do vôlei de praia tiveram a oportunidade de acompanhar os duelos por meio da “Arquibancasa”. Acessando um convite virtual, os internautas interagiram com o animador e participaram de ações nos intervalos das partidas. O sistema foi exibido em telões na quadra central e trouxe animação e cores para dentro da competição.

Os torcedores também puderam eleger as melhores jogadoras em quadra de cada partida das semifinais por meio de votação no site e aplicativo da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV). Evandro foi eleito o melhor da disputa de bronze, e Alison foi o mais votado na decisão.

Cada etapa do Circuito Brasileiro distribui R$ 47 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são distribuídos aproximadamente de R$ 538 mil por etapa.

A quarta etapa da temporada 2020/2021 acontece ainda em novembro, mais uma vez no CDV. O torneio feminino será entre os dias 19 e 22, e o masculino entre 26 e 29.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × um =